Campanha Salarial 2018 – Farmácias, Drogarias e Distribuidoras

 

 

Será nesta segunda-feira, 04/06, a partir das 16h, na sede da Fecomércio a segunda rodada de negociações com o Sindicato do Comércio Varejista de Produtos Farmacêuticos de Minas Gerais - Sincofarma/MG.  O Sindicato dos Farmacêuticos de Minas Gerais – Sinfarmig aposta na mobilização da categoria em torno desta reunião que irá dialogar mais uma vez a pauta de reivindicações dos farmacêuticos que atuam em farmácias, drogarias e distribuidoras. 

A negociação coletiva começou em abril quando o Sincofarma fez a proposta de reajuste salarial de 1,81% correspondente ao INPC acumulado no período de 1º de março de 2017 até 28 de fevereiro de 2018. O Sinfarmig luta por ganho real para os profissionais, que seria um percentual acima do oferecido apenas para repor perdas inflacionárias. 

Os outros pontos da pauta também serão detalhadamente negociados e é justamente pelo momento ser único que a entidade sindical alerta a categoria sobre importância de se manter mobilizada e participando de todo o processo de negociação coletiva. “Temos a convicção de que quanto maior é o envolvimento e a participação de todos melhores são nossos resultados rumo a uma Convenção Coletiva de Trabalho mais justa”, ressaltou a diretora do Sinfarmig Júnia Lelis. 

 

 

Serviço:

Segunda reunião de Farmácias, Drogarias e Distribuidoras – CCT 2018

Data: 04/06/2018

Horário: 16h

Local: Fecomércio (Rua Curitiba, 561 - Centro - BH/MG)

 

Fonte: Assessoria de Comunicação Sinfarmig

 

Publicada em 04/06/18

 

 

 

 

O Sindicato dos Farmacêuticos de Minas Gerais (Sinfarmig) fará mudanças no atendimento durante o próximo feriado. A sede da entidade localizada na rua dos Tamoios, 462/12º andar, Centro, Belo Horizonte ficará fechada na quinta-feira, 31/05 e na sexta-feira, 01/06. O Sinfarmig voltará a atender normalmente na segunda-feira, 04/05, no novo horário das 8 às 12h. Acompanhe as informações do seu interesse pelo www.sinfarmig.org.br

 

Fonte: Assessoria de Comunicação Sinfarmig

Publicada em 29/05/18

 

 

 

 

25 de maio é o dia em que o Sindicato dos Farmacêuticos de Minas Gerais – Sinfarmig completa 37 anos de existência. A entidade de base estadual que representa todos os farmacêuticos no Estado exibe uma linha do tempo assinalada por lutas árduas e conquistas históricas. A data marca a publicação da carta sindical pelo Ministério do Trabalho e Emprego. Era o ano de 1981.

Durante estas quase quatro décadas, o Sindicato colecionou participações marcantes em debates nacionais, em fóruns de relevância social e instâncias de diálogo fundamental sobre a saúde pública no Brasil.

O Sinfarmig construiu relações importantes em vários segmentos de luta por direitos e viveu momentos históricos pela categoria ao lado de toda a classe trabalhadora em Minas Gerais e em âmbito nacional.

O Sindicato traçou a sua trajetória contínua em favor da profissão farmacêutica e também em prol da saúde pública de qualidade. A entidade sempre trabalhou em defesa da justiça social e pela consolidação da democracia.

Nestes anos colhemos vitórias importantes para os profissionais e embora cientes de que ainda há muito a conquistar infelizmente não sabemos como será o futuro do Sinfarmig. Isto porque a existência de uma entidade sindical só se justifica com a participação e o empenho da sua categoria. 

Embora haja disposição e força para lutar por muito mais, os farmacêuticos não responderam ao nosso chamado. E sem este apoio não sabemos mais quanto tempo manteremos nossas portas abertas.

Entretanto, reafirmamos nossa determinação em manter as nossas atividades em favor dos profissionais enquanto tivermos recursos e fôlego para enfrentar esta luta que certamente não tem fim.

Parabéns a todos que fizeram parte da história do Sinfarmig! 

Parabéns aos farmacêuticos que valorizam a profissão!

Fonte: Diretoria do Sinfarmig

Publicada em 25/05/18

 

 

 

 

 

 

A Campanha Salarial 2018 está em curso e o Sindicato dos Farmacêuticos de Minas – Sinfarmig já realiza as negociações coletivas com algumas entidades patronais. Acompanhe o balanço das negociações até o momento: 

 

 

Farmacêuticos Industriais

 

Sinfarmig x Sindusfarq - Sindicato das Indústrias  de Produtos Farmacêuticos e Químicos para fins Industriais no Estado de Minas Gerais

 

 

Data-base: 1º de março

 

Status: pauta aprovada e protocolada no Sindusfarq aguardando agendamento de reunião para início das negociações

 

___________________________________________________________________

 

 

Farmácias, Drogarias e Distribuidoras

 

Negociação: Sinfarmig x Sincofarma  (Sindicato do Comércio Varejista de Produtos Farmacêuticos de Minas Gerais)

 

Data-base: 1º de março

 

Status: Segunda rodada de negociações agendada – 05/06 às 10h(Fecomércio)

 

 

___________________________________________________________________

 

 

Farmacêuticos Analistas Clínicos

 

Negociação: Sinfarmig x Sindlab  (Sindicato dos Laboratórios de Patologia, Pesquisa e Análises Clinicas de Minas Gerais)

 

Data-base: 1º de maio

 

Status -  Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) 2017 em vigência até 2019

 

 

___________________________________________________________________

 

 

 Farmacêuticos Hospitalares

 

Negociação: Sinfarmig x Sindhomg - Sindicato dos Hospitais, Clínicas e Casas de Saúde do Estado de Minas Gerais

 

Data-base: 1º de junho

 

Status: pauta aprovada e protocolada no Sindhomg aguardando agendamento para início das negociações

 

_________________________________________________________________

 

 

Farmacêuticos de Transportadoras

 

Negociação: Sinfarmig x Setcemg - Sindicato das Empresas de Transportes de Carga do Estado de Minas Gerais

 

Data-base: 1º de maio

 

Status: pauta aprovada e protocolada no Setcemg aguardando agendamento para início das negociações

 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação Sinfarmig

Publicado em 23/05/18

 

 

 

 

No dia em que o Sindicato dos Farmacêuticos de Minas Gerais - Sinfarmig completa 37 anos de atuação, a comemoração é pautada numa série de ações para envolver a categoria. A medida mais urgente é incrementar a mobilização e priorizar a união da categoria em prol da sobrevivência das atividades sindicais.

A entidade está buscando intensificar o diálogo com os farmacêuticos visando aproximá-los e conscientizá-los ainda mais da importância da luta para manter os direitos e conquistas. 

Muitos ainda não sabem a função de um sindicato e ignoram a sua atuação no escopo do exercício profissional do farmacêutico. O resultado deste desconhecimento é uma categoria pulverizada e distante das suas conquistas no que se refere às relações de trabalho.

Mais que nos outros anos, neste aniversário queremos a sua participação, a sua sensibilidade e a sua adesão a causa. Porque sem a sua presença e a sua contribuição o Sindicato não sobreviverá. Já reduzimos a estrutura para promover redução nos custos do Sinfarmig, que atravessa um período de total asfixia financeira. 

 

Quem ainda não é filiado pode passar a ser agora. No link  abaixo listamos algumas razões para você se unir a nós. Acesse  http://www.sinfarmig.org.br/anuidade-social.html e preencha o formulário que está disponível no item Sindicalize-se.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação Sinfarmig

Publicada em 25/05/18

 

 

 

 

 

A programação prevista para o segundo dia do seminário preparatório “Fortalecendo o SUS e o Sistema Nacional de Vigilância Sanitária – SNVS” está sendo realizada na sede do Sindicato dos Farmacêuticos de Minas Gerais – Sinfarmig, centro de Belo Horizonte. A decisão foi tomada após o governo do Estado decretar ponto facultativo em Minas Gerais por causa da crise no abastecimento de combustível provocada pelo movimento dos caminhoneiros. 

O evento começou nesta quinta-feira, 24/05, no auditório da Escola de Saúde Pública rua Augusto de Lima nº2061 – Barro Preto, e foi transferido a convite da diretoria do Sinfarmig. O seminário da Associação Brasileira de Saúde Coletiva - Abrasco antecede o 12º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva (Abrascão) e tem como objetivo de discutir as ameaças aos direitos e à democracia e as conseqüências para o Sistema Único de Saúde – SUS

A Abrasco justifica que “a sociedade brasileira sofreu inúmeras perdas e ameaças, devido aos retrocessos políticos que produziram e continuam gerando perdas relacionadas aos direitos, às liberdades e à democracia que conquistamos a partir do processo de redemocratização do país”. A associação ressalta que nesta conjuntura de profundo retrocesso, o SUS passa a ser atacado com grande voracidade pelos looby das empresas do mercado dos planos de saúde, inclusive das grandes líderes do mercado americano. 

A iniciativa faz parte de uma estratégia de resistência e compreensão do cenário do país por meio do diálogo e ações que contribuam para superar a conjuntura, em particular no campo da saúde. 

 

PROGRAMAÇÃO

 

Dia 25 de maio – sexta-feira

• Manhã

9h às 11h - “Direitos conquistados, direitos perdidos: implicações na saúde e na vigilância sanitária”

Coordenadora: Ana Cristina Souto

Expositora: Maria Tereza Dias (Faculdade de Direito UFMG)

Debatedora: Ediná Alves Costa

• Tarde

14h às 17h – Continuação do debate e síntese para elaboração do documento final.

 

Local: Rua dos Tamoios, 462/12º andar – Centro, Belo Horizonte

 

Data:  25 de maio

Fonte: Abrasco

Publicada em 25/05/18

 

 

 

 

A jornada de trabalho dos farmacêuticos de transportadoras que está gerando questionamento por parte das entidades patronais foi o tema principal da reunião que aconteceu na manhã desta segunda-feira, 21/05, entre o diretor do Sindicato dos Farmacêuticos de Minas Gerais – Sinfarmig e Superintendente da Vigilância Sanitária Estadual, Rilke Novato Públio e a diretoria do Conselho Regional de Farmácia de Minas Gerais – CRF/MG. 

A nova Resolução da SES/MG, 5815/2017 sobre a atividade do farmacêutico em transportadoras prevista pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e pelo Conselho Federal de Farmácia (CFF) exige assistência profissional qualificada para a verificação e os controles necessários dos medicamentos. 

Este segmento tem demonstrado grande importância e vem se destacando pelo crescimento. Prova disso é que a presença do farmacêutico como responsável técnico tornou-se obrigatória. O profissional  é habilitado nos quadros das empresas que realizam o transporte terrestre, ferroviário, aéreo e fluvial de medicamentos e insumos farmacêuticos. 

Para Rilke Novato trata-se de uma conquista para os profissionais já que o setor de transportes é uma parte da cadeia produtiva de produtos farmacêuticos. “É uma função de grande importância porque garante a qualidade e a integridade dos medicamentos”, afirmou. 

O Sinfarmig está em plena campanha salarial com o Sindicato das Empresas de Transportes de Carga do Estado de Minas Gerais – SETCEMG e vem insistindo sobre a importância da existência de uma Convenção Coletiva de Trabalho - CCT para os farmacêuticos que atuam no segmento. No dia 16/05, o Sinfarmig foi informado que as negociações estão suspensas até que se resolvam os impasses das transportadoras com o CRF/MG.

Na reunião desta segunda, o Conselho aprovou encaminhamento se comprometendo a realizar um fórum sobre o tema, além de cartilhas e capacitações abordando  os requisitos mínimos de qualidade para o transporte de medicamentos. Foto:CRFMG

Fonte: Assessoria de Comunicação Sinfarmig/Informações CRFMG

Publicada em 21/05/18

 

Mais Artigos...